Mestrados Profissionalizantes


Características das áreas de especialização


Programa de Mestrados Profissionalizantes

Perfil profissional

Após a obtenção do grau, o Mestre estará dotado de competências ligadas à gestão socialmente responsável, em linha com o mandato da Responsabilidade Social Corporativa para contribuir de forma não só crítica, como proactiva, para a ampliação dos objectivos económicos, sociais e ambientais preconizados pelo princípio do Desenvolvimento Sustentável.

group of business people having meeting
iStock_000022200278Large

Plano de estudos dos mestrados profissionalizantes

O plano de estudos dos Mestrados Profissionalizantes será sempre objecto de estudo e de decisão solidária entre o Presidente do Conselho Técnico-Científico e o corpo docente/ universidade escolhido para cada mestrado.

Os planos curriculares emergem de dados sistematicamente recolhidos em linha com os interesses do mercado e em conformidade com a legislação em vigor, de modo a corresponder a 120 créditos, resultante da soma parcelar dos módulos.

Da avaliação dos mestrados profissionalizantes

A avaliação deve ser efectuada com transparência e em conformidade com a missão da ESGCS. Ela deverá, por um lado, estabelecer uma relação funcional entre os objectivos da avaliação, os objectivos de aprendizagem e os níveis cognitivos e, por outro lado, fornecer aos mestrandos e professores informação segura acerca do processo e do produto de aprendizagem.

A avaliação deverá basear-se nos seguintes elementos:

  • exposições orais
  • avaliação pelos colegas
  • relatórios das discussões em grupo
  • testes orais e escritos
  • exames orais e escritos
  • relatórios de investigação.

Serão igualmente considerados elementos de avaliação, entre outros, a participação activa nos seminários, a assiduidade, o empenho e a dedicação.

No decurso do 1º ano académico, cada aluno apresentará, no prazo fixado pelo Coordenador do Curso, um relatório escrito sobre o tema da sua exposição oral em cada disciplina, sob pena de perda de aproveitamento no curso.

Apenas se consideram aprovados na primeira parte do curso de Mestrado, e aptos à preparação da dissertação de Mestrado, os alunos que obtenham média igual ou superior a 14 (catorze) valores em cada disciplina.

No 2º ano académico, o 1º semestre será dedicado à investigação e o 2º semestre à elaboração da dissertação e respectiva defesa.

Na elaboração da dissertação cada aluno será orientado por um professor, o qual deverá respeitar o princípio da liberdade académica, não se responsabilizando, consequentemente, pelas opiniões que dela venham a constar.

A dissertação, sujeita a aprovação do professor, deverá ter como objecto de estudo áreas de natureza de gestão socialmente responsável.

A apreciação e discussão da dissertação será feita oralmente, na presença de um júri nomeado pelo Presidente do Conselho Técnico-Científico.